You are currently viewing Loja Certificada: Como transmitir confiança para seus clientes na hora da compra

Loja Certificada: Como transmitir confiança para seus clientes na hora da compra

Não é a toa que se diz por aí que a confiança é a base de um relacionamento. Se essa ideia já foi comprovada nas relações pessoais, no relacionamento com o cliente não é diferente.

Os sentimentos de segurança e confiança são essenciais para que o seu cliente tenha uma boa experiência na hora da compra. Além disso, eles são imprescindíveis para que o relacionamento entre consumidor e marca tenha uma chance maior de se tornar um compromisso mútuo e sério.

Por isso, hoje separamos uma série de dicas que vão ajudar você a transmitir confiança e conquistar a confiança dos clientes do seu ecommerce. Leia na íntegra o artigo: Loja Certificada: Como transmitir confiança para seus clientes na hora da compra.

Compra online é compra segura

As fraudes que acontecem no mundo digital podem ser muito menos recorrentes do que aquelas que ocorrem fora dele, mas certamente ainda são as que mais repercutem. Embora o comportamento de consumo aponte um crescimento cada vez maior no comércio eletrônico, não se pode negar que ainda exista um certo ar de insegurança quando o assunto é comprar pela internet.

Muitos consumidores nutrem o receio de colocar seus dados pessoais em sites, de ter cartões clonados, de pagar e não receber o produto ou de recebê-lo com algum defeito. Por isso, é obrigação do comerciante mostrar que o seu trabalho é sério, oferecendo um ambiente de compra segura e com a garantia de algumas ferramentas que atestem e comprovem isso.

Abaixo, listamos alguns recursos que contribuem para que o seu site transmita maior credibilidade e confiança.

Site criptografado

A criptografia é uma tecnologia que protege a transmissão de informações. Isso dificulta a invasão do seu site e o acesso a dados pessoais contidos nele.

Alguns navegadores já informam, ao lado da barra de endereço do site, se a página é ou não segura. Normalmente é indicado o uso do protocolo https://, que é obtido através de um certificado SSL (Secure Socket Layer) e pode ser identificado pelo cadeado verde que aparece ao lado do seu endereço da web.

Além de proteger seu site, isso favorece o ranqueamento da sua página no Google.

Sistema e código rastreamento

Poder acompanhar todo o processo que envolve a separação, o envio e a entrega do produto é um elemento imprescindível para transmitir confiança. Mantenha o cliente informado sobre cada etapa, emitindo avisos sobre a aprovação da compra, a confirmação do pagamento, a separação do produto e o despacho.

Informar um código de rastreamento ao cliente para que ele acompanhe o percurso de sua encomenda após o envio não é mais um diferencial, mas uma regra que todo ecommerce deve seguir.

Muita informação

Para competir de igual para igual com as lojas físicas, seu ecommerce deve causar no cliente a impressão de que ele está tocando o produto, ou melhor ainda: que ele não precisa tocar o produto, pois todas as informações necessárias estão disponíveis.

Por isso, não economize no detalhamento dos produtos, forneça as dimensões, fotos de qualidade em diversos ângulos e tudo o que o cliente pode desejar saber a respeito do produto. Desta forma, ele não terá dúvidas e se sentirá muito mais confiante de fazer uma compra segura.

Provas sociais

Os depoimentos de clientes satisfeitos, elogios aos produtos ou ao atendimento são matéria que testemunha a qualidade do seu negócio. Você pode usar isso a favor da sua loja e transformar os feedbacks positivos em provas de que o seu ecommerce é um ambiente seguro para a compra.

Selos de segurança

Existem muitos tipo diferentes de selos oferecidos por entidades de diversos setores. Estas certificações transmitem ao cliente que chega ao seu site a segurança de um atestado de boas práticas.

Os selos de segurança sinalizam que o seu negócio se preocupa em seguir um certo código de conduta. Existem selos para ecommerces que praticam, por exemplo, sustentabilidade, bom atendimento e boas práticas na Black Friday.

Estes selos de segurança costumam aparecer no rodapé do site e um dos mais importantes e conhecidos no mercado do comércio eletrônico é o selo Loja Certificada.

Selo Loja Certificada

Selo Loja Certificada

O Selo Loja Certificada foi criado em 2008 e é fornecido a lojas virtuais que atendem a uma série de requisitos que demonstram a seriedade e idoneidade do negócio. Para obter o selo Loja Certificada, o ecommerce deve obedecer aos seguintes parâmetros:

  • Ter um CNPJ válido: a equipe faz uma consulta para confirmar essa informação e exige também que o número de registro esteja visível na página da loja;
  • Certificado SSL: certificado mencionado anteriormente que atesta uma navegação segura;
  • Experiência e solidez: o selo é concedido apenas a empresas que estejam atuando há mais de 1 ano;
  • Mercado correto: os produtos comercializados na loja devem ser coerentes com o seu objeto social;
  • Meios de contato: os contatos da empresa devem estar visíveis no site, ou seja, a loja deve fornecer telefone, e-mail, endereço para que o cliente tenha meios de contatar o vendedor;
  • Reputação sólida: o selo não é concedido a empresas que tenham sofrido denúncias ou sobre as quais sejam encontradas muitas reclamações nas redes sociais.

Este selo é importante, pois ele confere uma credibilidade maior dentro do mercado de ecommerce e transmite segurança ao consumidor que visita o site. Para obtê-lo é necessário acessar o site Loja Certificada e fazer a solicitação.

Transmitir confiança gera relacionamentos duradouros

A resolução de um problema, a construção de autoridade no mercado de atuação e um atendimento realmente gentil e eficiente geram confiança e fidelização no relacionamento com o cliente. Neste processo, é preciso entender que às vezes uma pequena perda ou prejuízo momentâneo pode significar uma grande vantagem no futuro.

A Amazon, por exemplo, é um ecommerce de varejo que pratica a filosofia de não deixar o consumidor sair perdendo nunca. O grande volume de vendas muitas vezes gera algum problema com produtos ou transportadoras e, neste caso, a Amazon faz questão de beneficiar o cliente, fazendo um atendimento eficiente e empático e oferecendo alternativas, como reembolso imediato, mesmo que a falha não seja diretamente do varejista.

Um cliente que é tratado desta forma se sente valorizado, justificado e motivado a consumir sempre mais deste tipo de vendedor. É essencial tornar o ambiente virtual o mais humanizado possível, pois quando uma pessoa percebe que a única finalidade do negócio é o lucro, ela normalmente tende à desconfiança.

Propósito gera identificação

O consumidor sentirá mais confiança se perceber que a marca não se importa apenas em efetivar a venda, mas que ela também se preocupa em gerar valor e ajudar o cliente de verdade.

Por isso, é importante mostrar às pessoas que o seu produto é capaz de resolver um problema com clareza. Educar o consumidor através de uma interação próxima e estabelecer uma conexão genuína é a chave para abrir a porta da confiança.

Sobretudo, entregue sempre aquilo que você promete. Um cliente que se sente enganado jamais voltará à sua loja e, provavelmente, influenciará outras pessoas a ficarem longe do seu ecommerce.

Rodrigo Henrik

Rodrigo Henrik é Publicitário, Profissional de Marketing (FGV) e Especialista em Marketing Digital e E-Commerce. CEO da CUBOD Agência Digital, criador e administrador do ECOMMERCE MASTERS, maior comunidade de e-commerce do Brasil, no Facebook, com mais de 37.100 mil membros ativos, e 9 anos de atuação no mercado e-commerce.Estou 100% comprometido com o resultado dos meus clientes, trabalhando no desenvolvimento de ações de marketing digital com foco em vendas, criação de lojas online, além de prestar consultoria e assessoria especializada para pequenos e médios negócios em todo o Brasil.