Importância do ecommerce de nicho para ter sucesso na internet

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no pinterest
Pinterest
[rt_reading_time label="TEMPO ESTIMADO DE LEITURA:" postfix="MINUTOS" postfix_singular="MINUTO"]

Neste artigo você irá ler:

Importância do ecommerce de nicho para ter sucesso na internet. Vemos a cada ano um número significativo de marcas que, com o objetivo de alcançar novos consumidores e mudar o comportamento de compra dessas pessoas, estão ampliando seus canais de vendas e apostam no ecommerce de nicho para aumentar as vendas e sair em vantagem diante de outras lojas que ainda utilizam apenas espaços físicos para atender seus clientes.

De acordo com a ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico), em 2015 o setor cresceu 22% em relação ao ano anterior, com um faturamento de R$ 48,2 bilhões e para esse ano as perspectivas são positivas. O e-commerce nacional deve apontar um crescimento de 18% em relação a 2015, e faturar R$ 56,8 bilhões.

Com o setor em constante crescimento, as marcas precisam se atentar em alguns pontos, principalmente no que se refere à concorrência que fica cada vez mais acirrada. Para ter destaque nesse mercado é preciso inovar e agir de forma estratégica. Diante deste cenário, o ecommerce de nicho é a melhor solução para esses empreendedores para que eles possam desenvolver um trabalho diferenciado.

De acordo com dados do mercado, em 2015 os nichos que apontaram um crescimento significativo foram moda, beleza, saúde, decoração, serviços, automotivo e pet. Para 2016, esse cenário terá algumas mudanças. Com base em um levantamento feito pela ABComm, os nichos que vão ter mais destaques serão educação, conteúdos digitais, saúde, produtos que melhoram a qualidade de vida, alimentação, artigos de culinária e serviços.

Mas, para isso, os empreendedores precisam tomar cuidado, já que se especializar em um nicho não é tão simples quanto parece. Primeiramente é importante estudar minuciosamente o mercado que vai atuar e analisar detalhadamente se há grandes varejistas como concorrentes e saber como é a aceitação deste segmento para o público final.

Um outro ponto importante quando se trata da escolha do nicho é que os lojistas precisam trabalhar com algo que realmente faça sentido para eles e que tenha uma certa afinidade com o assunto. Uma dica que eu posso dar para que o empreendedor seja mais certeiro nessa escolha é listar aquilo que mais gosta de fazer, praticar e definir quais são as suas paixões, isso pode ajudar a dar um direcionamento para quem está começando. Além disso, é preciso traçar o público-alvo que o e-commerce irá “conversar” e saber se há mercado para este produto. Mas, é preciso tomar cuidado para que o plano de negócio não seja restrito demais e deixe de ter algumas opções de produtos que são importantes para a necessidade do seu cliente.

Após essas duas questões estarem bem definidas no e-commerce, é preciso alinhar o posicionamento da marca, para que a comunicação seja mais assertiva e direcionada para o seu público-alvo. Com isso, fica muito mais fácil de ter um relacionamento mais próximo com o seu cliente e garantir a fidelização na sua loja.

Com esses pontos alinhados, as chances do negócio dar certo é grande. É preciso se preocupar com o seu cliente e sobre aquilo que é interessante para ele e que vai suprir a sua necessidade. Diante disso, temos que avaliar o mercado, as oportunidades que aparecem e estarmos atentos a tudo que acontece ao nosso redor para não perder novas chances. Pois bem, com tudo isso que citei acima, vamos começar a listar aquilo que você gosta e iniciar o negócio em um mercado promissor, sem medo e precedentes?

Compartilhe este artigo nas redes sociais

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Assine nossa Newsletter

Sobre o autor deste artigo

Rodrigo Henrik

Rodrigo Henrik

Rodrigo Henrik é Publicitário, Profissional de Marketing (FGV) e Especialista em Marketing Digital e E-Commerce. CEO da CUBOD Agência Digital, criador e administrador do ECOMMERCE MASTERS, maior comunidade de e-commerce do Brasil, no Facebook, com mais de 37.100 mil membros ativos, e 9 anos de atuação no mercado e-commerce. Estou 100% comprometido com o resultado dos meus clientes, trabalhando no desenvolvimento de ações de marketing digital com foco em vendas, criação de lojas online, além de prestar consultoria e assessoria especializada para pequenos e médios negócios em todo o Brasil.

Sobre o autor deste artigo

Rodrigo Henrik

Rodrigo Henrik

Rodrigo Henrik é Publicitário, Profissional de Marketing (FGV) e Especialista em Marketing Digital e E-Commerce. CEO da CUBOD Agência Digital, criador e administrador do ECOMMERCE MASTERS, maior comunidade de e-commerce do Brasil, no Facebook, com mais de 37.100 mil membros ativos, e 9 anos de atuação no mercado e-commerce. Estou 100% comprometido com o resultado dos meus clientes, trabalhando no desenvolvimento de ações de marketing digital com foco em vendas, criação de lojas online, além de prestar consultoria e assessoria especializada para pequenos e médios negócios em todo o Brasil.

Comente este artigo!

Pesquise no site

Últimos Artigos

Vídeos Sobre Ecommerce

Assine nossa Newsletter